#praquemnaosabe a festa do Divino Espírito Santo em Alcântara foi trazida pelos portugueses açorianos e é realizada desde o século XVII no município. De lá pra cá, a festa passou por vários processos de (re) invenção, muitos deles perpassam sobre a intensa participação popular (importante fator de manutenção da festa).

A produção filmica curta (05min37seg) conta com entre/vista ao (ex) festeiro Narlysson Bruno sobre sua trajetória até receber o cargo em 2016. Bruno tem apenas 22 anos e foi o mais novo festeiro de promessa deste ano, caso isolado, devido aos altos custos para a realização da festa.

Esse e outros exemplos presenciados durante a Festa do Divino de 2016 sugerem a manutenção da mesma a partir do empenho de novos membros. Junto à trajetória de vida de Narlysson Bruno, soma-se outro ponto, o levantamento de dois mastros por crianças da comunidade este ano.

Em uma rápida conversa com um morador de Alcântara, não é difícil que se relate a sua participação na festa quando criança a partir de um levantamento do mastro mais lúdico, contando com a simulação feita a partir do ritual de levantamento do mastro oficial, realizado pelos mais velhos.

Em 2016 a criançada articulada e inspecionadas por mais velhos, se padronizaram com camisas e ergueram dois mastros de estatura inferior aos dois principais. As reelaborações sobre a Festa do Divino se imbricam em relatos de memória como o de Narlysson Bruno nos levando a imaginar como um cidadão Alcantarense é tomado pela festa, ou sendo ele a própria.

Viva o Divino Espírito Santo e a Mordomo em trânsito!

Imagens: Pablo Monteiro
Montagem: Pablo Monteiro
Colaboração: Bruno David /Narlysson Bruno/Comunidade de Alcântara
Texto: Pablo Monteiro

© Pablo Monteiro
O conteúdo audiovisual pode ser compartilhado desde que não seja utilizado para fins que atentem contra a honra, a dignidade ou de qualquer forma ofenda a imagem do fotografado e de sua comunidade. Para qualquer outra forma de utilização fora dessa plataforma, por favor, consulte a página Bicho D’ Água no botão em: Enviar Mensagem.