O evento busca integrar professores, alunos do Curso de Turismo, representantes de religiões de matriz africana, comunidade e pesquisadores da área, através da troca de experiências acadêmicas e culturais no intuito de promover discussão acerca dos saberes e fazeres da religiosidade, bem como sua inferência no turismo étnico maranhense, abordando a importância do estudo da etnicidade para o Curso de Turismo sob a perspectiva afro-religiosa.

Data: 14/12
Horário: 8:00h às 17:30
Local: Auditório PPPGI - Prédio Ceb Velho - UFMA

MANHÃ:
8h00 – CREDENCIAMENTO
9h00 – Solenidade de Abertura
9h30 – A importância do estudo da Etnicidade e do Turismo Étnico para o Curso de Turismo. Prof.ª. Ms. Graça Reis Cardoso – Departamento de Turismo e Hotelaria/DETUH
10h30 – MESA REDONDA 1: “TAMBOR DE MINA ONTEM E HOJE: Identidade Ancestral e Contemporaneidade”.
Convidados: Airton Gouveia - Ilê Ashé Ogum Sogbô, José Itaparandi - Terreiro de Mina Pedra de Encantaria. Casa Fanti-Ashanti, Terreiro de Iemanjá,
Mediador: Prof. Dr. Sérgio Ferretti


TARDE:
14h - PALESTRA: “A Terra dos Grandes Bumbas: a Maranhensidade Ressignificada na Cultura Popular”.
Convidado: Prof. Dr. Antônio Evaldo Almeida Barros
15h – MESA REDONDA 2: “A mulher nas Religiões de Matriz Africana”
Convidados: Prof.ª. Dra. Marilande Abreu, Mãe Dedé - Terreiro de Mina Iemanjá, Mãe Kabeca - Casa Fanti-Ashanti, Terreiro de Mina Fé em Deus.
Mediadora: Prof.ª Dra. Mundicarmo Ferretti
16h30 - MESA REDONDA 3: “As festas e as manifestações culturais nos terreiros”
Convidados: Biné Gomes - Terreiro de Mina Iemanjá, Jô Brandão - Ilê Axé Alagbedê Olodumare.
Mediadora: Lilian Brito Alves - Diretora do Museu Casa de Nhozinho/ Secretaria de Estado da Cultura e Turismo.
17h45 - CoffeeBreak

Inscrição: 1Kg de alimento não perecível, ou R$ 5,00 (com certificado de 8h) - via formulário online: https://goo.gl/forms/6DanySo76Zz0rJwq2, ou no dia do evento.